Catálogo de Produtos

Laranjas de polpa vermelha são uma alternativa na produção de citros

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

As laranjas de polpa vermelha são pouco conhecidas pelo consumidor, mas podem ser uma alternativa diferenciada ao produtor.

Atualmente, a demanda por alimentos com altas propriedades nutricionais cresce a cada ano. Sabemos que a laranja é um destes alimentos, e traz muitos benefícios à saúde humana, ajudando na alimentação saudável.

As 5 melhores práticas para a produção de citros

Mas, além das laranjas amarelas, que são facilmente encontradas para o consumo, existem certos tipos de laranja que possuem um plus no quesito nutricional. São as laranjas de polpa vermelha, ou também chamadas de falsas sanguíneas.

Essas laranjas possuem maiores teores de carotenoides, que são substâncias que dão coloração aos frutos, além de serem compostos com alta funcionalidade nutracêutica.

Laranjas de polpa vermelha não são laranjas sanguíneas

Quando se fala em laranjas de polpa vermelha, normalmente se pensa que são as laranjas sanguíneas. Mas nesse caso, não são.

Laranjas sanguíneas
Foto: Rodrigo R. Latado – CCSM-IAC

As laranjas sanguíneas são variedades muito conhecidas na Europa, principalmente na região do Mediterrâneo. Variedades como: Moro, Palazelli, Tarroco, Sanguigno doppio, Sanguinella e Sanguinelo, tem a característica de acumular um composto chamado antocianina na sua polpa, e às vezes na casca. Esse pigmento deixa sua coloração vermelho intenso, podendo ser até arroxeado, como uma beterraba (aliás, a beterraba também tem sua coloração devido às antocianinas).

Essas variedades não têm cultivo expressivo no Brasil. Além disso, necessitam de muitas horas de frio para ativarem o acúmulo da antocianina. Característica que dificulta a sua produção nas principais regiões brasileiras, produtoras de citros.

Já as laranjas de polpa vermelha apresentam acúmulo de licopeno na polpa independente da temperatura. O licopeno é um carotenoide vermelho, um dos principais responsáveis pela mudança de coloração nas laranjas vermelhas. O licopeno também está presente em outros alimentos, como o tomate, melancia, goiaba, entre outros.

Suco de laranja
Foto: Francisco Henrique

Outra diferença entre as sanguíneas e as falsas sanguíneas – como são também chamadas as laranjas de polpa vermelha – está no suco. O suco das laranjas de polpa vermelha não fica com uma coloração muito avermelhada, e sim, com uma cor laranja intenso, quando comparado ao suco de laranjas amarelas.

Variedades de laranja de polpa vermelha

Atualmente no Brasil, existem duas variedades disponíveis para a produção comercial. São a variedade Cara Cara e a variedade Sanguínea de Mombuca.

laranja mombuca
Foto: Francisco Henrique

A variedade Sanguínea de Mombuca é uma mutação espontânea de laranja doce que foi encontrada no município de Mombuca na região de Piracicaba – São Paulo.

Recebeu este nome devido à coloração avermelhada da polpa dos frutos e pela região onde foi encontrada. Atualmente a variedade já possui registro junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) para plantios comerciais.

A variedade possui frutos com formato esférico, tamanho médio e maturação precoce. Apresenta média de 55% de suco e frutos em torno de 150 gramas. de oito a dez sementes. Já o suco tem, em média, 10 °Brix e acidez 1,0% em frutos maduros.

laranja Cara Cara
Foto: Francisco Henrique

A variedade Cara Cara é originária da Venezuela, selecionada em 1976 na fazenda Cara Cara é uma mutação espontânea da laranja doce ‘Washington Navel’.

Possui fruto muito similar à variedade que a originou, também sem sementes, diferenciando principalmente na coloração da polpa. Essa variedade foi introduzida no Brasil pela Embrapa Mandioca e Fruticultura.

Benefícios dos carotenoides para a saúde humana

Alguns carotenoides são precursores da vitamina A, ou seja, podem dar origem a essa vitamina, dependendo de como serão metabolizados pelo organismo.

Além disso, o consumo de carotenoides ajuda na prevenção de doenças oculares degenerativas, como a degeneração da retina, risco de catarata, além de estarem presentes na formação do sistema ocular dos mamíferos.

Os carotenoides estão relacionados com o fortalecimento do sistema imunológico e a diminuição do risco de cânceres e doenças cardiovasculares. Isso é atribuído devido a função antioxidante que possuem esses compostos. Também podem atuar como protetores solares, devido a sua estrutura.

O licopeno, um carotenóide presente nas variedades de laranjas de polpa vermelha, confere maior valor nutricional e nutracêutico a esses frutos, visto que é um potente agente antioxidante natural.

Todas essas características podem agregar valor ao fruto das laranjas de polpa vermelha. Que pode ser comercializado tanto para a produção de suco, quanto para o consumo de fruta fresca.

Novas variedades vêm sendo estudadas

O Instituto Agronômico (IAC), de Campinas, por meio do Centro de Citricultura ‘Sylvio Moreira’, vem estudando novas variedades de laranja de polpa vermelha.

Valência Puka
Foto: Francisco Henrique

Uma delas é a variedade Valência Puka. Foi originada na Província de Tucumán, Argentina em 1967, em uma mutação espontânea proveniente da laranja de polpa clara ‘Valência Hart’s Tardiff’.

Foi introduzida ao BAG-Citros (CCSM-IAC), nos anos 2000, por borbulhas provenientes de Tucumán, Argentina. Assim como a variedade que a originou, possui um ciclo tardio sendo seu ponto ideal de colheita nos meses de outubro e novembro.

Outra variedade, também de coloração avermelhada, é denominada de ‘Vermelho Precoce’. É uma possível mutação espontânea da variedade Hamlin, encontrada em Mogi Mirim – SP. Apresenta boa produção e um suco de coloração vermelho intenso.

Sanguínea de Mombuca
Foto: Divulgação IAC

Segundo a Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios – APTA, agência da qual o IAC pertence, essa nova variedade apresenta maiores teores de carotenoides totais e licopeno na polpa dos frutos, quando comparada à ‘Sanguínea de Mombuca’.

As variedades estão sendo testadas e estudadas, e a conclusão desses estudos está prevista para sair nos próximos anos.

Novas variedades, mesmos cuidados com o pomar

Sabemos que os pomares de citros precisam de um cuidado com a nutrição e a prevenção de doenças, que atingem muito às laranjas. Mesmo que as variedades possuam novas características, esses cuidados precisam ser constantes.

E unindo alta tecnologia, nutrição balanceada e melhoria do fitness da planta, diminuindo os estresses e deixando o pomar mais vigoroso, a Amazon AgroSciences recomenda o GRANBLACK, que já é conhecido de muitos citricultores.

O GRANBLACK é um fertilizante foliar organomineral com alta concentração de carbono orgânico, complexado com aminoácidos, e contém macronutrientes em fórmula equilibrada para uma adequada nutrição das plantas. 

Possui em sua formulação aminoácidos especiais que trabalham no fortalecimento das plantas, dentre destes aminoácidos especiais o N-acetil-cisteína (NAC) possui um papel especial, pois  trabalha desaglomerando as colônias bacterianas do greening promovendo a liberação da seiva do floema. Dessa forma, a planta infectada volta a se nutrir adequadamente, além de aumentar suas defesas contra ataque das bactérias.

Um potente antioxidante para o seu pomar

O tratamento com GRANBLACK destrava as plantas com greening, melhora o fitness das plantas saudáveis e consegue otimizar as condições de todas as plantas tratadas com o produto.

GRANBLACK é o único fertilizante que possui a molécula NAC, que atua com as enzimas do sistema antioxidante, fazendo com que elas desempenhem melhor suas atividades. Os antioxidantes atuam reduzindo estresses das plantas, que podem ser causados por períodos de seca, frio e pragas e doenças.

Em uma planta com greening, por exemplo, os níveis de estresse oxidativo são bastante altos. Muitos dos sintomas da doença também são acentuados pelo alto estresse que a planta se encontra.

Na prática, o estresse oxidativo faz com que as plantas tenham quedas de folhas e frutos. Também pode causar uma menor produção, além de produzirem frutos menores. O estresse oxidativo trava a planta, fazendo com que ela não consiga ter um bom desenvolvimento e sanidade.

E é para combater todos esses danos que o GRANBLACK é utilizado. O NAC, princípio ativo exclusivo do GRANBLACK vai auxiliar na diminuição do estresse oxidativo das plantas. Devido a sua estrutura, o NAC consegue capturar as moléculas reativas que estão soltas nas células, reduzindo assim os danos nas plantas. E o mais importante é que essa função também é feita em plantas sadias.

Conheça os todos benefícios da ação antioxidante do GRAN BLACK no seu pomar

São muitas as vantagens em um só produto. GRANBLACK é um produto sustentável, que  utilizado como um tratamento,  reduz a queda dos frutos, nutre a planta, evita o estresse oxidativo e auxilia no manejo do greening. Em cada etapa de aplicação, o GRANBLACK vai acumulando benefícios para as plantas. O resultado é pomares mais saudáveis e maior produtividade.

Texto por:

Deixe um comentário:

Faça o Download de nosso Catálogo de Produtos!

Amazon AgroSciences Fertilizantes Líquidos de Alto Desempenho Imagem Com Capa de Catálogo de Produtos

Descarga nuestro Catálogo de Productos!

Download our Product Catalog!

Envie seu currículo

Mande seu currículo através do formulário abaixo. Entraremos em contato quando houverem vagas.

Não vá ainda!

Baixe grátis nosso catálogo!

Amazon AgroSciences Fertilizantes Líquidos de Alto Desempenho Imagem Com Capa de Catálogo de Produtos